ama

E a cada dia que um pouco mais
amava
um pouco menos
doía

de dor de amor não sofria
que amor de sofrer é dor só
sem amado

dolorida solidão
já não fazia ferida

cicatriz
curada

e a cada dia
passado
mais uma cicatriz
esquecia
um pouco mais
amava
curando a dor que um pouco menos doía

Postagens mais visitadas deste blog

Eu preciso de...

Pausa pro café

Sobre o amor libertário