Por essas ruas


Por essas ruas eu vejo a solidão.
Vejo a chuva, sinto nas mãos.
Andar nas ruas, me sentir só.
Sentir a chuva e andar... só.
Chuva, chove pelas ruas.
Chove, chuva escoa pelas calçadas, escadas, escadarias, becos.
Chove, chove, chove.
Chove a chuva na minha janela. Molha minha cama e meu chão.
Chão, molha o chão. E eu só.
Chuva, água. Solidão.

Postagens mais visitadas deste blog

Eu preciso de...

Souvenir

Sobre o amor libertário